Copa Edison Siena de Futebol tem início neste domingo

O calendário esportivo de Tamarana segue ativo em 2017. Afinal, começa na tarde deste domingo (22) a 5ª Copa Edison Siena de Futebol. Em sua edição de retorno, o torneio masculino conta com oito times. No grupo A, estão as equipes da Água Branca, JR/CarbonX, Mlk Vila Siena e São Roque. Já quem faz parte do grupo B são os times do Apucaraninha, Fazenda São Paulo, Os Bárbaros e RT Tamarana. Eles jogarão contra si em turno único nas suas respectivas chaves. Os dois primeiros colocados se classificarão para as semifinais. A grande final da competição está prevista para o fim do próximo mês.

001.JPG

A partida inaugural da copa será entre Fazenda São Paulo e Apucaraninha, às 13h15. Logo depois, às 15h30, tem o jogo entre RT Tamarana e Os Bárbaros. Para fechar o dia de futebol, às 17h30, jogarão São Roque x Mlk Vila Siena.

Todos os duelos terão como palco o Estádio Municipal Prefeito Edison Siena, que tem recebido uma série de reparos para maior comodidade tanto dos atletas, comissão técnica e arbitragem quanto dos torcedores.

002.JPG

Punições – O boleiro que cometer atos de indisciplina no torneio não escapará de punição. Cartão amarelo irá gerar pagamento de “multa” de dois quilos de alimentos não perecíveis. Já o cartão vermelho, além do “gancho”, fará com que o jogador tenha de arcar com cinco quilos de alimentos não perecíveis. Também existe a possibilidade de o participante ser suspenso das competições organizadas pela Diretoria de Esportes do município.

Anúncios

Prefeitura propõe criação de autarquias para garantir equilíbrio das finanças

O prefeito de Tamarana, Beto Siena, secretários e demais membros do poder Executivo local participaram de uma reunião na noite desta quarta-feira (18) com servidores municipais, sindicatos ligados ao funcionalismo público e vereadores para debater os projetos de lei 44/2017, 45/2017 e 46/2017, atualmente em tramitação na Câmara Municipal de Tamarana. Os textos preveem que as secretarias de Assistência Social, Educação e Saúde serão transformadas em autarquias. A medida visa isentar os órgãos em cerca de 20% do pagamento de parte da contribuição patronal ao governo federal e, assim, garantir que os cofres públicos do município obtenham uma economia inicialmente calculada em R$ 1.920.000,00 ao ano.

001.JPG

Durante o encontro, realizado no salão do Solipar, Beto assegurou que a modificação não implicará em nenhum tipo de prejuízo para os servidores da Prefeitura de Tamarana. “Não muda nada. As leis não são para isso. Quero dizer aos funcionários públicos que direitos adquiridos não serão perdidos. O que nós queremos é que Tamarana não se perca”, afirmou o prefeito. “O servidor não vai perceber nada de mudança”, complementou o secretário de Administração do município, Roberto da Silva.

O índice de despesas com pessoal da Prefeitura de Tamarana fechou os últimos doze meses (outubro de 2016-setembro de 2017) em 50,79% da receita corrente líquida. O fato motivou um comunicado recente por parte do Tribunal de Contas do Paraná, já que, com isso, os gastos com folha de pagamento se encontram no limite de alerta definido pela Lei de Responsabilidade Fiscal.

De acordo com o titular da pasta de Administração, a criação das autarquias é uma das medidas que a atual gestão busca colocar em prática para que o índice caia, pois, para este ano, não há previsão de recursos extras, como a repatriação vinda do governo federal em 2016. Além disso, já há uma estimativa de que a participação dos municípios do estado na distribuição dos recursos do ICMS terá redução em 2018. Cortar despesas e aumentar a arrecadação também fazem parte da estratégia que tem sido executada pela administração municipal para que as finanças atinjam um patamar de equilíbrio que também traga consigo condições para investimentos em melhorias para toda a comunidade.

Roberto da Silva informou ainda que, apesar de as propostas preverem a criação de CNPJ exclusivo para cada autarquia, elas continuarão a se reportar ao Executivo local da mesma forma como ocorre hoje. “Não é nenhum órgão separado. Tudo pertence ao município. Levantamentos de preço, licitações, autorizações de compra não mudam. Serão feitas da mesma maneira”, exemplificou ele, que também explicou que o montante economizado deverá ser aplicado em ações das próprias áreas de Assistência Social, Educação e Saúde que beneficiem diretamente a população.

Tramitação – Os projetos de lei foram aprovados em primeiro turno pela Câmara Municipal de Tamarana na última segunda-feira (16). A votação em segundo turno está marcada para a próxima segunda-feira (23), a partir das 10h.

Pedido à Justiça – Com as matérias aprovadas e sancionadas, a prefeitura terá condições de recorrer à Justiça para pleitear a transformação das pastas em autarquias. Conforme o diretor de Desenvolvimento do município, Wagner Barros, há decisões favoráveis do STF em casos semelhantes ao de Tamarana. “Essa conduta já foi adotada por vários municípios. Já é uma decisão final do Supremo Tribunal Federal”, contou. Segundo ele, o pedido terá como base o artigo 195 da Constituição, que estabelece a isenção do pagamento da contribuição patronal para entidades de beneficência social.

Transparência – Além de participar da reunião desta quarta-feira, a administração municipal já havia explicado a iniciativa para os conselhos municipais de Assistência Social, Educação e Saúde e, quando os projetos chegaram à câmara, o diretor de Desenvolvimento prestou esclarecimentos para parlamentares, servidores, sindicalistas e comunidade em geral.

002

Readequação de estradas avança pela zona rural de Tamarana

Pouco mais de dois meses depois do início da readequação de 60 quilômetros de estradas rurais de Tamarana, já são evidentes os avanços do serviço no primeiro trecho onde o projeto é executado, na estrada que vai da antiga fábrica Pasa até o Assentamento Água da Prata, o Incrão.

Ao se percorrer o trajeto de cerca de 20 quilômetros, até o limite com Ortigueira, é possível notar que a empreitada apresenta evolução dia após dia.

As imagens feitas nesta semana contam um pouco mais sobre andamento do trabalho.

Aqui, o trecho da estrada localizado logo após a antiga Pasa: antes…008.JPG

E depois:001.JPG

Mais adiante, homens e máquinas trabalham no segmento que fica entre a Fazenda Senador e o Incrão:008007

Lá para frente, no limite entre Tamarana e Ortigueira, a equipe faz o alargamento da via:006

Enquanto isso, já tem produtor rural que modifica as cercas de sua propriedade para “receber” a nova estrada:002.JPG

Vale informar que o tráfego está totalmente liberado da antiga Pasa até o Bairro Serraria, em um trecho de seis quilômetros. Ao mesmo tempo, dali em diante, a recomendação é que o motorista dirija com atenção redobrada, pois interdições momentâneas podem ocorrer quando os profissionais responsáveis pelo trabalho entenderem que a medida é necessária.

A readequação é fruto da união de esforços entre a Prefeitura de Tamarana, Consórcio Caminhos do Tibagi e o Governo do Paraná. As próximas estradas a receberem a iniciativa são a que vai da Igrejinha do Rio Preto até a Placa da Vaca; a via que passa pelo Assentamento Cruz de Malta, Assentamento Mundo Novo e pela Placa da Vaca e também a estrada que interliga o “Sítio do Mahmud”, Assentamento Mandassaia e a Placa da Vaca. O serviço começou a ser realizado em agosto.

No aniversário da Acit, prefeito assegura funcionamento do comércio em 13/12

A Associação Comercial e Industrial de Tamarana comemorou 28 anos de fundação durante jantar realizado na noite desta segunda-feira (9).

008.JPG

Na ocasião, membros da diretoria e demais empresários associados à Acit receberam o prefeito de Tamarana, Beto Siena, e o secretário de Agricultura do município, Fernando Macedo, que representaram o Executivo local no evento.

Também marcaram presença no aniversário da entidade a presidente do Conselho da Mulher Empresária da Associação Comercial e Industrial de Londrina, Marisol Chiesa; o gerente da agência da Caixa Econômica da Avenida Inglaterra, em Londrina, Luiz Gastão; o gerente da Cresol em Londrina, Alexandre Muller de Oliveira, e a gerente do Sicredi de Tamarana, Angela Oriani.

Em seu discurso, o prefeito Beto Siena afirmou que a administração municipal concordou com a “troca” do feriado de 13 de dezembro (dia da emancipação de Tamarana) requisitada pela Acit. Assim, o comércio irá abrir as portas normalmente nessa data, aproveitar de melhor forma a época mais movimentada do ano e descansar em dois de janeiro. Beto adiantou que a intenção da prefeitura é fazer com que essa medida se torne definitiva a partir de 2018.

005

O prefeito destacou ainda a importância da existência de organizações como a Associação Industrial e Comercial de Tamarana, pois, segundo Beto, elas são fundamentais para que a sociedade local se una em torno de bandeiras comuns, como melhorias para a segurança pública.

Em suas falas, os representantes das instituições financeiras também ressaltaram a relevância do associativismo entre os empresários tamaranenses. E, conforme os diretores da Acit, a busca por mais união no setor produtivo da cidade é justamente uma das metas da entidade para os próximos anos. Além disso, de acordo com eles, a associação quer se fazer mais presente nos conselhos municipais para contribuir com pautas ligadas ao desenvolvimento econômico e social de Tamarana.

Copa Edison Siena de Futebol começa neste mês

O calendário esportivo de Tamarana em 2017 não terminou com o fim da 1ª Copa Gunga de Futsal. É porque já estão abertas as inscrições para a 5ª Copa Edison Siena de Futebol, que tem início no dia 22 de outubro.

O tradicional torneio masculino estará de volta com jogos aos domingos. Responsável pela organização da competição, a Diretoria de Esportes do município estima que serão realizadas até três partidas por dia – sempre durante o período da tarde. Os duelos terão como palco o Estádio Municipal Prefeito Edison Siena, localizado no Centro Social. A arena já passa pelos últimos reparos para receber times e torcedores.

001.JPGEstádio Municipal Prefeito Edison Siena: palco da copa

Cada equipe poderá inscrever até 18 atletas e três membros da comissão técnica. Por se tratar de um torneio curto, há vagas para oito times. Eles serão divididos em dois grupos. O primeiro e segundo colocado de cada grupo irão se classificar para as semifinais da copa. A grande final está prevista para o fim de novembro.

Para se inscrever na disputa, é só ir até a Secretaria de Educação, Cultura e Esportes de Tamarana (Rua Ubaldino de Sá Bittencourt, 238), de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h. O telefone para mais informações é o 3398-1991.

No ato da inscrição, deve ser doado um quilo de alimento não perecível por jogador e integrante da comissão técnica. Todo esse material será repassado para a Secretaria de Assistência Social.

Punições – Quem cometer atos de indisciplina na competição não escapará de punição. Cartão amarelo irá gerar pagamento de “multa” de dois quilos de alimentos não perecíveis. Já o cartão vermelho, além do “gancho”, fará com que o atleta tenha de arcar com cinco quilos de alimentos não perecíveis. Também existe a possibilidade de o participante ser suspenso das competições organizadas pelo município.

Calendário não para – A Diretoria de Esportes de Tamarana pretende lançar um campeonato de vôlei em novembro. Mais adiante, em janeiro, a ideia é organizar uma copa sub-15 de futsal. A meta da diretoria é ter eventos esportivos na cidade ao longo de todo o ano.

Conjunto das Flores começa a ganhar asfalto

Os moradores do Conjunto das Flores, em Tamarana, não terão mais de conviver com a poeira e o barro. É porque teve início nos últimos dias a obra de asfaltamento das ruas do bairro. A iniciativa tem investimento de R$ 378 mil – R$ 246 mil vindos do governo federal e outros R$ 132 mil que a Prefeitura de Tamarana aplicou como contrapartida.

003

A empresa Gabriel & Filhos foi a vencedora da licitação para a execução dos trabalhos. Conforme o prefeito de Tamarana, Beto Siena, o asfalto estará pronto em pouco tempo. Além disso, serão implantadas galerias para escoar a água da chuva. “A gente sabe do know-how da empresa que venceu a licitação. Pela conversa que tivemos com eles, a obra vai ser a toque de caixa. É um projeto completo, com galeria e meio-fio em todo o conjunto”, afirmou Beto.

O secretário de Obras de Tamarana, Antonio Manoel Gonçalves, o Pombo, também destacou que a pavimentação asfáltica irá facilitar a vida da comunidade. “Vai ficar ótimo para os moradores. É uma obra muito importante que deve estar concluída antes do fim do ano”, detalhou ele.

Quem vive no Conjunto das Flores já acompanha de perto o começo dos trabalhos e não vê a hora de ter asfalto na porta de casa. É o caso de Paulo Roberto Reis. “Para nós, vai ser uma alegria esse asfalto. Porque, nesse tempo seco, a gente fica prejudicado por causa do poeirão”, contou.

001“Vai ser uma alegria esse asfalto”, comemorou o morador Paulo Roberto Reis

Quanto aos demais bairros de Tamarana que têm problemas na malha asfáltica, o prefeito Beto Siena já adiantou que a administração municipal irá elencar os pontos de maior demanda e o serviço será realizado a partir de 2018 por meio do Cindepar – um consórcio intermunicipal do Paraná do qual Tamarana faz parte e que tem esse tipo de obra como uma de suas especialidades. “Para o próximo ano, nós vamos priorizar o recape nos bairros que estão mais esburacados”, disse Beto.

Produtores debatem adequações em comercialização feita no Ceasa

Agricultores de Tamarana que vendem seus produtos na Ceasa de Londrina tiveram uma reunião recentemente com o presidente estadual do órgão, Natalino Avance de Souza, para tratar de adequações na maneira como os negócios têm sido conduzidos na unidade.

001

O prefeito Beto Siena, demais representantes da Ceasa, técnicos da Emater, além de vereadores de Tamarana, também participaram do encontro. Essa agenda foi marcada após o chefe do Executivo local, acompanhado de uma comitiva de produtores rurais do município, terem procurado a direção da Centrais de Abastecimento do Paraná, em Curitiba.

A pauta tratada com o presidente girou em torno de preocupações relacionadas à participação dos agricultores no mercado do produtor surgidas logo depois que o órgão retomou a gestão da Ceasa de Londrina. “A gente vem adotando alguns procedimentos para realinhar o funcionamento do mercado e para modernizar a unidade. E isso pode provocar algumas dificuldades, principalmente no processo de recadastramento dos agricultores que frequentam o mercado do produtor”, disse Natalino Avance de Souza.

Ao mesmo tempo, de acordo com o presidente, o encontro serviu para que todos os lados envolvidos na questão pudessem apresentar seus pontos de vista e, a partir disso, buscarem soluções comuns. “Foi uma reunião muito franca e se discutiu de forma clara e aberta. Esse é um momento de bom senso para que a gente possa ter essa transição e devolver para quem é agricultor de fato um ambiente de comercialização que faz parte da política pública destinada a pequenos produtores rurais”, detalhou Souza.

Para o presidente da Ceasa, é oportuno se estabelecer parcerias entre o governo estadual e os agricultores em prol de melhorias na comercialização dos produtos agrícolas. “Essa dicotomia que se criou, colocando a gestão pública de um lado e o empreendedorismo privado do outro, é um paradigma que tem que ser vencido. O mercado vai funcionar bem quando a gente tiver uma ação paritária na sua gestão”, afirmou.

Por fim, Natalino Avance de Souza lembrou que já há uma série de benfeitorias e projetos em andamento para melhorar a Ceasa da região. “Londrina merece ter uma Ceasa moderna. A gente tem a responsabilidade de modernizar a unidade. De abril até agora, já foi investido R$ 1 milhão”, informou ele. Também existem outros projetos – como a reformulação do estacionamento – que a direção do órgão pretende colocar em prática. Todo mês, a Ceasa de Londrina comercializa mais de 8 mil toneladas de produtos.

UAB de Tamarana seleciona tutor para novo curso

Estão abertas as inscrições para a seleção de tutores presenciais que irão atuar na graduação à distância em Gestão Pública que será ministrada pela Unicentro nos polos da Universidade Aberta do Brasil de Tamarana e outros 26 municípios do Paraná. Os interessados devem se inscrever até as 23h de domingo (24), por meio desta página. O edital completo do certame também está disponível no mesmo endereço.

POLO UAB

A coordenadora da unidade em Tamarana, Andréia Rocha Gonçalves, contou quais são os critérios para o ingresso na seleção. “Para participar desse processo, o candidato deve ter formação em nível superior e experiência mínima de um ano no magistério”, afirmou. Ela comentou que essa pode significar uma nova chance de aprendizado para os profissionais da Educação local. “Convido os professores do município a participarem da seleção, pois, além de agregar experiência no currículo, quem for aprovado terá a oportunidade de adquirir conhecimentos na área de Gestão Pública”.

Há uma vaga para a cidade. A primeira etapa da avaliação é uma prova virtual que será realizada no próprio polo na próxima quarta-feira (27), às 19h. A bolsa da tutoria é de R$ 765 para uma carga horária de 20 horas semanais, das quais 16 devem ser cumpridas de forma presencial e outras quatro no atendimento online dos estudantes.

As aulas da graduação em Tecnologia em Gestão Pública têm início previsto para o próximo mês. Atualmente, está em andamento na UAB de Tamarana o curso de Letras Português/Inglês da Universidade Estadual de Maringá, que também é ofertado via educação à distância.

O suporte necessário para a realização dos cursos é prestado pela Secretaria de Educação de Tamarana. Mais informações podem ser obtidas na própria pasta, através dos telefones 3398-1990/1991.

MAF e Barroso são os campeões da Copa Gunga

Os tamaranenses lotaram as arquibancadas da quadra do Centro Social no último sábado (16) para torcer e vibrar pelos times que disputaram as finais feminina e masculina da 1ª Copa Gunga de Futsal. A festa foi bonita. Famílias inteiras saíram de suas casas para prestigiar as equipes e o clima de amizade predominou entre os jogadores.

Pelo lado das mulheres, o MAF se sagrou campeão ao derrotar o Kaingang por 5 x 1.

Já entre os homens, o Barroso venceu o Lerrotama por 2 x 1 em um duelo intensamente disputado.

Além disso, os Bárbaros levaram o terceiro lugar do torneio masculino ao ganharem do Comercial Tamarana por 9 x 1.

E o sucesso da competição foi tanto que, a pedido da comunidade e dos vereadores da base de apoio, o prefeito Beto Siena adiantou que a administração municipal irá providenciar a construção de uma segunda estrutura de arquibancadas na lateral da quadra do Centro Social. A intenção é realizar a edição do próximo ano da Copa Gunga já com essa melhoria.

Confira nas imagens como foi o sábado de decisão em Tamarana!

001As campeãs do MAF

002Zelci, do MAF, foi a artilheira do torneio feminino: marcou 11 gols

003Claudinéia, também do MAF, foi a goleira menos vazada: apenas quatro gols

004As garotas do Kaingang foram as vice-campeãs do torneio feminino

005O Barroso levou para casa o troféu de campeão do torneio masculino

006Já o Lerrotama conseguiu o vice-campeonato da Copa Gunga

007Os Bárbaros conquistaram o terceiro lugar

008Fernando, dos Bárbaros, foi o artilheiro do torneio masculino ao marcar 13 gols

009O goleiro Neto, também dos Bárbaros, foi o menos vazado, com sete gols tomados

010O quarto lugar da disputa entre os homens ficou com o Comercial Tamarana

011A família de Gunga Bittencourt recebeu do prefeito Beto Siena e de seu vice Sérgio Nakata uma placa de homenagem ao pioneiro

Aprovados em vestibular de Gestão Pública devem entregar documentos até terça-feira (19)

Os candidatos aprovados no vestibular para Gestão Pública que será ministrado pela Unicentro em Tamarana precisam apresentar a documentação necessária para a efetivação da matrícula no curso entre segunda (18) e terça-feira (19), no Polo da Universidade Aberta do Brasil do município. A unidade fica na Escola Municipal Professora Iracema Torres Rochedo (Rua Manoel Barbosa Lemes, 35, Centro) e irá atender nos dois dias das 8h às 12h, das 13h às 17h e das 19h às 22h.

POLO UAB TAMARANA

O resultado do processo seletivo foi divulgado na última quarta-feira (13) e pode ser conferido nesta página. O endereço também disponibiliza a relação completa dos documentos necessários para o procedimento, além do requerimento de matrícula que deve ser apresentado junto com a documentação.

A graduação em Tecnologia em Gestão Pública é fruto de uma parceria entre instituições como a Unicentro, Uenp e Universidade Virtual do Paraná. Ela será ofertada em mais de 30 de cidades do estado por meio da educação à distância. As aulas do curso têm início previsto para o próximo mês. Em Tamarana, o suporte necessário para a realização da iniciativa é prestado pela Secretaria municipal de Educação. Mais informações podem ser obtidas no próprio órgão, que atende no telefone 3398-1990.